A Liberdade é Azul; A Igualdade é Branca; A Fraternidade é Vermelha

Sim, que titulo enorme! Mas eles são os nomes dos filmes da trilogia das cores.  As cores, sendo de filmes francos, é bem clara a menção a bandeira da França. E nos títulos vemos A LIBERDADE, a IGUALDADE e a FRATERNIDADE que são as palavras lema da Revolução Francesa. A as palavras são retratadas de um jeito diferente. Quando pensamos em liberdade o que nos vem a cabeça? Na minha vem a eminente obra romântica de Delacroix “A Liberdade Guiando o Povo”, que me traz a ideia de revolução, guerra, embate fisico, e se livrar de barreiras fisicas. No filme A Liberdade é Azul a liberdade é tratada de um modo diferente, é falado da liberdade emocional. Estranho? Talvez. Mas se pensarmos bem… o que é mais complexo? a mente humana, ou os campos de batalha? A luta emocional da personagem principal em se libertar do luto da perda de seu marido e filho é muito mais forte. Se vendo livre de seus laços de familia, ela tenta se afastar de todos os tipos de contatos humanos, mas uma hora ela percebe que é simplesmente impossível se libertar do relacionamento com pessoas. É um filme com variados símbolos, a musica por exemplo, gera uma harmonia entre as historias dos personagens. E o interessante na parte de símbolos é ver que em todos os 3 filmes existem coisas que mantem os personagens ligados a seus passados. No caso de Azul o elemento que mantem Julie (interpretada pela belissima atriz francesa Juliette Binochet) ligada a seus falecidos marido e filho é um enfeite de teto para bebes que tem borboletas azuis.

Em A Igualdade é Branca é o segundo filme da serie. É sobre a historia de um polonês casado com uma francesa. Mas o filme começa ja com com o divorcio dos dois. Eles se divorciam pois o polonês era simplesmente “broxa”, e “não dava conta do recado”. Como no primeiro filme foi usado demais a cor mencionada no titulo. Sendo que o branco era representado pelo branco céu da Polonia, e ate uma explosão de branco apos o tão esperado orgasmo de Karol Karol e de Dominique. E o elemento que mantinha o protagonista ligado a seu passado eram 2 moedas da França que ele tinha desde a hora que ele foi expulso de casa. E a igualdade se mostra quanto aos dois desejos do protagonista, os desejos de melhorar sua condição de vida e seu desejo de “vendetta” (por mim o melhor sentimento de todos!kkkk).

No terceiro e ultimo filme da serie, A Fraternidade é Vermelha o valor, que considero o mais importante, é mostrado de um jeito diferente, ja que sempre que é falado em fraternidade pensamos em irmãos, e talz. Mas não! em Vermelha a fraternidade acontece aonde era mais dificil de acontecer. Os personagens começam a fazer parte de um circulo

Amor Fraterno de Bouguereau

Amor Fraterno de Bouguereau

mais intimo em que cada vez mais se ligam uns aos outros. A protagonista de chama Valentine, uma jovem gata  universitária, que tem um “part-time job” como modelo tanto de passarela como fotográfica. A cor vermelha é um elemento muito presente  no filme e aparece no “banner” de propaganda de Valentine, no carro de um dosprotagonistas, e em outros elementos do filme.

É uma exelente produção do falecido diretor e produtor polones Krzysztof Kieślowski, que ganhou diversos premios por dirigir essa interessantíssima produção!

About these ads

Sobre Israel Assis

Estudante de formação gerencial, DeMolay, anotando e apagando Ver todos os artigos de Israel Assis

4 responses to “A Liberdade é Azul; A Igualdade é Branca; A Fraternidade é Vermelha

  • azdezoito

    Liberdade ; Igualdade e a Fraternidade e tudo para o ser humano! nos não vivemos sem esses tres itens

  • Israel Assis

    são as palavras que regem minha vida

  • Leandro

    Ah se o mundo praticasse essa trilogia!!!…

  • Wilian Jose

    Lema da maçonaria.

    Inclusive a foto que ilustra a liberdade, foi reproduzida dos Estados Unidos, na construção da estátua da liberdade, pelo maçom Augusthe Bartholdi, com ajuda do maçom Gustave Eiffel, esse que logo depois construiu a torre Eiffel. Por ironia ou coincidência, a estátua da liberdade, ocultamente, é a imagem da deusa egípcia Semíramis, que curiosamente se casou com Venus (Satanás). E que mais curiosamente ainda, a imagem dessa deusa que representa a liberdade nos Estados Unidos, está presente nas nossas cédulas de real, no Brasil.

    Não é bem o meu conceito de liberdade.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: